Dor no pescoço: Veja o significado psicológico pela metafísica da saúde/Linguagem do corpo de Cristina Cairo;


Dor no pescoço simboliza a inflexibilidade dos seus pensamentos e a dificuldade de relaxar em relação às cobranças alheias e mesmo à autocobrança.
A pessoa que não quer deixar de ter opiniões rígidas e recusa-se duramente a mudar seus hábitos, vai ganhar um pescoço duro, igual à sua cabeça. Pessoas perfeccionistas normalmente têm muitos torcicolos. Muitas vezes, as pessoas que acordam com o pescoço doendo e nem conseguem girar a cabeça para o lado, reclamam: ”Dormi de mau jeito, por isso estou assim”. ”Tomei um golpe de vento ontem, e hoje acordei mal”. E assim por diante. Acontece que isto So apenas justificativas e não explicações reais para as dores.
Com estes exemplos, você pode ver como o consciente reage por não saber ou não ter se 

preocupado em aprender a linguagem do corpo. Enquanto não tomarmos consciência daquilo que acontece em nosso corpo, estaremos tentando eternamente achar a resposta para os nossos problemas, percorrendo o caminho oposto à verdade. Se você estiver com dor no pescoço ou com torcicolo, pare e pense um pouco. Analise seus últimos atos ou pensamentos contra algo ou contra alguém. Lembre-se de algum episódio durante o seu dia de ontem ou de anteontem. Será que você não está sendo teimoso com alguém ou com alguma ideia fixa? Será que você não está sendo insistente demais em querer que determinada pessoa pare de agir daquele jeito que tanto desagrada você?
Sempre haverá uma resposta mas, se você não souber saudavelmente voltar atrás e desistir de alguns aspectos negativos da sua conduta, seu pescoço continuará doendo e mostrando que você ainda não consegue olhar para o outro lado da questão. E, literalmente, você não conseguirá olhar para o lado, a não ser que gire o corpo todo.
(Que trabalhão, heim?)

Linguagem do Corpo vol 1

Comentários