A localização dos chakras e suas funções vitais;



                                                       Coronário


- Localização: na moleira, no alto da cabeça. Está relacionada com a glândula pineal.

- Cor: Violeta- Função: uma das mais importantes é vitalizar o cérebro, que consome muita energia "alimentando" os neurônios. Regem a troca de energia com o universo, consciência cósmica, espiritualidade, integração cósmica e consciência pura. 






Frontal



- Localização: entre as sobrancelhas, está relacionado à glândula hipófise.


- Cor: Anil

- Função: vitaliza a região dos olhos, visão e nariz. Desenvolve a clarividência. Este é o chakra do conhecimento, responsável pela atenção, força de vontade, poder de raciocínio, síntese e interesse pelo novo. Quando em equilíbrio, a pessoa sente-se encaixada no aqui e agora e tem a intelectualidade equilibrada. Quando em desequilíbrio, causa intelectualismo frio, ego exagerado, apego aos estudos etc. Pode causar problemas de rinite e visão. 


Laríngeo
- Localização: fica na base do pescoço e está relacionada à glândula tiróide.

- Cor: azul

- Função: Rege a expressão verbal e corporal, a criatividade, comunicação, fluência e a realização profissional. Quando está em desequilíbrio, causa medo de se expor, falta de maturidade para conviver com críticas externas e problemas físicos com a boca, faringe e laringe. Este chakra está, constantemente, sobrecarregado porque, por meio da palavra, expressamos energias nem sempre positivas de nossa mente e coração.


Cardíaco


- Localização: fica no centro do peito, próximo ao coração e está relacionada à glândula timo. Vitaliza toda a área cardiorespiratória.


- Cor: verde

- Função: rege as trocas afetivas, compaixão, alegria, sentimentos nobres, educando nossas emoções. Em desequilíbrio causa rancor, egoísmo, dificuldade em perdoar, inibe as relações afetivas e pode causar problemas cardíacos e imunológicos. O que mais enfraquece este chakra é a magoa e os ressentimentos. Fortaleça o chakra com boas risadas, amor e alegria. 


            Umbilical


- Localização: fica 3 cm acima do umbigo e está relacionado com o pâncreas. Vitaliza todo o sistema digestivo

- Cor: amarelo- Função: é considerado o chakra central e é responsável pelo equilíbrio e distribuição de energia para todo o sistema e pelo equilíbrio entre mente e corpo. Este chakra está relacionado com as emoções mais densas e inferiores, como os desejos, preocupações, agressividade, raiva e etc. Em desequilíbrio pode causar úlceras e gastrites, além de disfunções psicológicas, como o medo de agir e a indecisão. É um chakra muito sensível às energias negativas de ambientes e pessoas.

Sacro


- Localização: fica na região pubiana e está relacionado às glândulas sexuais, vitalizando a sexualidade e atraindo o sexo oposto.


- Cor: laranja

- Função: Está ligado à reprodução humana, criatividade e poder de criação. Quando em equilíbrio causa harmonia da essência vital, das sensações e do prazer físico e sexual. Em desequilíbrio provoca medo da troca sexual, repressão dos instintos, vergonha do corpo e falta de auto aceitação. 


                     Básico


-

Localização: fica na região do períneo e sua boca está voltada para o chão. Está relacionado às glândulas supra-renais, que vitalizam o corpo físico.

- Cor: vermelho- Função: quando em equilíbrio, este chakra traz vontade de viver, ânimo para concretizar as coisas no mundo material. Nos faz sentir confortável no plano físico, nos aterra, nos ajusta no dia-a-dia e na sociedade. Em desequilíbrio pode ocasionar medo de viver, falta de disposição, alienação ou extremo apego às coisas matérias ou dificuldades de lidar com elas.

A melhor maneira para estimular e manter nossos chakras sempre equilibrados é buscar o crescimento interior, a positividade e a alegria.


FRANCO GUIZZETTI
colunista da Folha Online

Comentários

  1. Como tenho buscado o auto conhecimento...leio tudo que encontro e sempre procuro aplicar em mim.

    ResponderExcluir
  2. Oiiii ..adorei o artigo !!!

    Preciso tirar uma duvida !!!! Se voce Lucas , Cristina ou alguem possa responder!!!!

    Eu sou estudante "iniciante" dos chakras e compreendo as suas funcoes! .......o que me deixa confusa ee o chakra SACRO !!!.

    Trabalhar com os chakras ,nao seria o objetivo de estar mais proximo do cosmo?? do universo ?? ou seja ..de um mundo mais espiritual??? desenvolver os chakras para nao so tornamos positivos..mais espirituais e menos carnais ???? O que me deixa confusa ee o Sacro, que ao meu ver , puxa para o lado material ( carne , o apego a sexualidade )

    Perdoem minha ignorancia !!!!...so preciso acabar com essa duvida e continuar estudando para aperfeicoar todos os chackas !

    Adoro esse blog ....

    Muito obrigada

    ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá querida Juliana Fiori, temos que alcançar o conhecimento espiritual sim, mas vivemos na matéria, temos corpo (matéria), mente e espírito. Devemos estar em equilíbrio neste planeta, e precisamos de bens mateirais para evoluirmos,as realigiões econderam esse conhecimento que as antigas civilizações nos traziam, como vc vai evoluir o seu espírito se não tiver dinheiro para se aprimorar? A alma evoluída atrai o bom gosto o requinte, é preciso dinheiro para estudar, praticar cursos, viajar para evoluir o aprendizado do seu espírito, adquirimos conhecimento e precisamos da força vital para nos manter no aqui e no agora e termos energia necessária para viver, não devemos viver só em espírito (isso faz parte do próximo plano, o plano espiritual) Mas devemos viver em equilíbrio com todos estes. Como diz a bíblia (Não só de pão vive o homem, mas de toda a palavra) ou seja, o pão alimenta a matéria e a palvra o espirito) Estas palavras são mal interpretadas por religiões primitivas. Mas é isso,as vezes vc pode ser evoluida espiritualmente, outras pessoas materialmente, poucas vivem em pleno equilíbrio. Beijão.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  3. Vejo os chacras como pontos de força que pulsam e vibram constantemente, são dinâmicos e sensíveis aos sentidos e ao ambiente. Se interligam por fios, cores, símbolos. Ligam o corpo a tudo: tudo mesmo, aos outros, aos animais, flores, sons, cores, seres elementais, natureza, cosmos. Ao ver um lindo dia nascer, ao ouvir uma linda música, os chacras se irradiam e formam lindas mandalas multicoloridas. Ao ficar nervoso ou ter um aborrecimento, ficam afetados, cinzas, bloqueados. São supersensíveis a tudo. Para manter sua fluência límpida e colorida, é preciso cuidar de vc e fazer de tudo por sua saúde, pelas suas boas relações sociais, ouvir músicas lindas,ter flores coloridas por perto, alimentação saudável, meditar, respirar profundamente, fazer o melhor possível por suas boas vibrações. Liberar-se de tudo que bloqueia suas emoções e fugir de convenções sociais que perturbam a paz de espírito, fugir de locais perturbadores, pessoas negativas, orar por sua recuperação. Quanto mais puro for vc, mais vc rejeitará situações de baixa vibração. São escolhas diárias, permanentes, seletivas, escolha o melhor pra vc.

    ResponderExcluir
  4. Boa resposta anonimo ...adorei ^^

    ResponderExcluir
  5. Os chacras independem da natureza dócil ou guerreira das pessoas. Vejo que o desafio diário para mantê-los fluentes para o guerreiros é lutar com a espada na mão para defender seu próximo e cortar os vícios alheios com seu exemplo vitorioso. Aquele que se desviar desse dom de luta, não terá moral para ser exemplo. Aceitar sua natureza é o melhor caminho, corrigir sua conduta, levantar a cabeça e aceitar as batalhas que vierem, sempre fará o melhor pelos outros e isso refletirá em vitórias e glórias. Os chacras dos guerreiros e desafiadores estão sempre lutando e predomina a astúcia, a vontade de falar, a estratégia e um poder incrível de direcionar e movimentar as energias. Equilibrar seus dons e sua essência combativa é reconhecer quem é.

    ResponderExcluir
  6. Quanto mais eu leio sobre nosso mundo interno mais eu gosto! Que vontade de fazer um curso desses! Nunca entendi tão bem uma explicação como eu entendi essa, sabendo a importância dos chakras.

    ResponderExcluir

Postar um comentário